Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sou só eu que trabalho melhor com música clássica? E com uma play list do youtube de música clássica para bebés?!

 

Quem gosta?! Podem partilhar que mais variedade é sempre bem vinda. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

74a5fe43db9a809520f929eac843eb98.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

4bec9dc640dfb3259273d244bcb164c3.jpgHá uns dias uma colega oferecia-me uma fatia de bolo de chocolate coberta de açúcar  Com a restrição de açúcar que fazemos cá em casa tenho cada vez mais dificuldade em comer coisas doces, tudo me sabe a muito doce e me enjoa por pouco que seja. Declinei educadamente a oferta e expliquei que só comia açúcar refinado em situações muito excepcionais, mesmo aniversários de familia e afins evito ao máximo porque se formos a abrir excepções para os anos do pai, da mãe, da avó, do primo e do vizinho passamos o ano nisto de não ter regra nem cuidado com a desculpa de que "ah não sou fundamentalista", eu nos salgados às vezes também ainda me perco mas processados de carne e açúcar já consigo dizer quase 100% não  (tirando aquela outra coleguinha que à dias me apanhou com fome e me desgraçou com duas dentadas de um bolo de chocolate bom).

 

E eis se não quando a pergunta do costume... "mas como é que consegues?! Eu adorava e preciso tanto de perder peso, mas não tirar o açúcar para mim não dá. E o que é que comes nos cafés?!"

 

Ora ai estão boas questões. Conseguir foi com muita forcinha de vontade que o primeiro mês foi duro, lá isso foi, foi restritivo mesmo e dificil de gerir mas passado o desafio inicial agora sabe mesmo bem sentir que não dependo de açúcar para ser feliz, que não há aqueles "apetites" inexplicáveis que me destruiam a saúde e a auto-estima e que me acompanhavam há muitos muitos anos. Sentir que tomo conta do que consumo é fabuloso e vale qualquer sacrificio. Eu era pessoa de comer tabletes inteiras de chocolate em momentos de mais ansiedade (que também eram bem mais frequentes porque o consumo de açúcar agrava esses estados, não sou eu que digo é a ciência) e por isso se eu consegui os outros também conseguem!

 

Já à pergunta "E o que é que comes nos cafés?!" Ora pois... muito pouca coisa, uma torrada com pouca manteiga (estou a tentar limitar ao máximo o consumo de pão mas é o "melhor" que se consegue em muitos cafés infelizmente), já digo que não aquele "pão de forma" artificial, de farinha refinada e péssima qualidade e tento sempre comer pão escuro nas poucas vezes em que como fora, mas o que faço 99,999% das vezes é levar marmita, sempre! Assim não há problemas de consciência, nem de entrar e sair sem comer e ficar cheia de fomeca até chegar a casa porque o café não tinha nada de minimamente bom para se consumir. (Sim isto já aconteceu e eu detesto ter fome que depois quando como vai tudo parar às ancas) 

 

Mas bom é isto, tomar consciência do que consumimos é fundamental, assumir que só temos um corpo e vamos ter que viver com ele até morrer é um dado adquirido por isso é tratar o melhor que se pode!
Por vocês façam boas escolhas sempre!

Autoria e outros dados (tags, etc)

MARÇO

01.03.17

abab7a785c2e7d38d0348c0496a7c7a9.jpg

Março de sorrisos longos, de flores frescas, de caminhadas de fim de dia, de semanas boas, de fins de semana de paz, de dias grandes e noites de aconchego! Março de amigos, de familia, de crescimento e consciência! Março, que venhas por bem!

 

Foto: Fonte Pinterest

Autoria e outros dados (tags, etc)

Recomeçar

20.01.17

bad0fd7719f25a52b9e6157e4fbfed09.jpg

Há quase 1 mês sem escrever  e os melhores leitores, fieis e presentes! As visualizações mantêm-se e o facebook e o instagram continuam a crescer! Obrigada, muito muito obrigada!!! 

Ainda vou a tempo de vos desejar um bom ano?! Então que seja um ano fantástico, aqui será um ano de muitas novidades!

De volta e com muita vontade de continuar a crescer convosco diariamente! E cheia de novidades ora fiquem atentos!

Autoria e outros dados (tags, etc)



Contactos

us4all@sapo.pt

Também colaboro aqui


Sigam-me por aqui

Follow


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D